Especial: Cuidados a ter com o seu pet com a chegada do calor


O verão chegou e com ele a subida das temperaturas. No entanto, isto não é motivo para fechar o seu patudo, bem pelo contrário, mas existem cuidados especiais a ter...vamos lá espreitar...

1) Atenção ao horário dos passeios

Mesmo que o seu patudo adore ficar lá fora, deixe as brincadeiras mais agitadas para depois do pôr do sol. Isso reduz o risco de insolação, especialmente para cães que estejam acima do peso. Se mora numa região muito quente, procure passear com o seu cão antes das 9 da manhã e depois das 18 horas. Lembre-se que o seu cão está mais próximo do chão, por isso acaba por sentir muito mais, o calor do asfalto.

2) Mantenha o essencial por perto

Seja a jogar frisbee no parque ou a descansar no quintal, deve ter sempre muita água disponível para os seus cães.

Tigelas de água dobráveis são praticas para colocar dentro da mochila para passeios de carro.

Um outro truque para manter o seu cão hidratado é deixar a tigela com água no congelador durante a noite, no dia  seguinte, ele terá água bem fresquinha, enquanto o gelo derrete.

Uma outra dica, consiste em encher o brinquedo favorito com ração húmida, e depois congelar. Os cães ficarão felizes em lamber as guloseimas, enquanto descongelam.

3) Observar os sinais de excesso de exposição solar

Os cães ofegam para se refrescarem. Se se aperceber que o seu patudo está muito ofegante, leve-o para um local fresco e ofereça muita água, converse com ele, para que se mantenha calmo e tranquilo.

Em casos extremos, os animais podem ter febres altas, taquicardia ou mesmo vómitos - principais sinais de insolação e requerem ir com urgência ao veterinário. Durante o caminho deverá ir aplicando toalhas embebidas em água fria nas áreas sem pêlo do corpo do seu cão.

4) Cuidados especiais para cães de focinho curto

Alguns cães sofrem riscos acrescidos relacionadas com o calor.

Qualquer cão de focinho achatado sofre de síndrome braquicefálica. Em função dos narizes curtos, eles têm menos área de superfície e traqueias menores do que o normal.

Em casos extremos, alguns cães braquicefálicos chegam a falecer se expostos ao calor intenso.

Num dia de muito calor, o cão sofre mais do que uma pessoa, isto acontece em virtude deles não transpirarem através da pele, mas sim da salivação e almofada das patas.

Se mantiver isto em mente, tudo irá correr bem!

 

5) A cor da pelagem também é um fator

Os animais de pelagem mais escura tendem a absorver ainda mais os raios de sol.

Por outro lado,  animais de pelagem branca requerem uma protecção solar adicional. Cães e gatos brancos são mais propensos a desenvolver cancro de pele, especialmente na ponta do nariz e nas orelhas, devido à exposição solar.

Alguns cães adoram deitar-se de costas ao sol e consequentemente, acabam por desenvolver cancro na região da barriguinha.

Se o seu pet tem pelo branco, procure usar protector solar especifico para cães, isto é, com dióxido de titânio. Algumas pinceladas no nariz, orelhas e outras áreas exposta e está pronto para se ir divertir ao sol!

 

6) Sob o pêlo, faz calor!

Se o seu patudo tem uma pelagem pesada, pense na possibilidade de fazer uma tosa no verão para ajuda-lo a enfrentar o calor.

Além disso, muito cuidado ao deixar os animais de estimação no carro ao calor, mesmo cães de pêlo curto, sobreaquecem rapidamente dentro de um carro.

Durante viagens longas, considere investir em protectores de janelas, que oferecem ventilação e evitam que os filhotes ponham a cabeça de fora. E não se esqueça, dos pequenos passeios durante a viagem, nem de ir oferecendo água.

7) Brincar dentro de casa, ajuda!

Ninguém gosta de ficar preso em casa, e há muitas actividades que podem ser feitas para queimar calorias e manter os cães activos. Em breve iremos apresentar várias sugestões. :)

 

E divirtam-se, apesar do calor estar a chegar de uma forma, algo tímida, todos os cuidados são poucos para protegermos os nossos patudinhos.

 

Até breve!

 

 

 


Deixe um comentário


Tenha em atenção que os comentários precisam de ser aprovados antes de serem exibidos