O meu pet está com queda de pêlo...e agora?


O tempo mudou e o pêlo do seu animal também! A pele dos nossos animais de estimação reage às mudanças de estação, pelo que é normal eles renovarem a pelagem. O que seria de esperar era que essa renovação se desse mais ou menos duas vezes por ano( coincidindo com a Primavera e o Outuno). Acontece que, ao colocarmos os animais dentro de casa e simularmos horas de dia (utilizando a luz electrica) essa renovação pode não se fazer dessa forma tão marcada e sazonal, e ir-se dando ao longo do ano,havendo uma queda permanente de pêlo. Queda essa que costuma ser alvo de comentários por parte dos donos e acaba por ser uma queixa frequente nas visitas de rotina.

Ainda que possam existir alguns problemas de foro dermatologico que também se manisfestam por uma queda mais ou menos acentuada de pêlo, regra geral, este acontecimento é perfeitamente normal. Uma vez que é um mal necessário e não há como evitá-lo, resta-nos apenas tomar medidas que ajudem a controlar a situação, para que lá em casa não haja constantemente nuvens de pêlo espalhadas pelo chão,nem tufos de p~elo colados à nossa roupa, às camas e aos sofás. è então possível acelerar o processo de renovação de pêlo se:

1) Escovarmos os nossos pets frequentemente - os animais de pêlo curto costuma ter subpêlo, que deve ser removido com a ajuda de escovas apropriadas como por exemplo da Furminator;

2) O banho, desde que dado com alguma frequência e shampoo adequados, também pode ajudar a remover muito pêlo morto, limpa a pele e ajuda-a a respirar devidamente, eliminando o excesso de sebo e pó acumulado, prevenindo doenças dermatológicas e mal estar.

3) Oferecermos uma ração de elevada qualidade;

4)  Se necessário, administrarmos suplementos ricos em ácidos gordos essenciais;

Os animais que possuem pelagens longas, praticamente não largam pêlo uma vez que este tem um crescimento contínuo mas, por essa razão, necessitam de uma tosquia regular, para que o excesso de pêlo seja removido e a pele possa assim respirar devidamente.

 

Siga estes conselhos e verá que a queda de pêlo deixará de ser um problema tão frequente no convivio com o seu pet.

Quer partilhar connosco dicas? Fale connosco :)

Até já!

 


Deixe um comentário


Tenha em atenção que os comentários precisam de ser aprovados antes de serem exibidos