Vamos todos doar sangue?


Diariamente, bancos de sangue salvam a vida de muitos animais de estimação que precisam de uma transfusão urgente de sangue.

 A solidariedade e a generosidade dos donos dos cães e gatos é fundamental, e doar sangue está ao alcance de muitos animais de estimação.

 A necessidade de transfusões de sangue urgentes nos cães e gatos podem ser motivadas por situações muito diversas. Se o veterinário tiver acesso a um banco de sangue, as possibilidades de salvar a vida do animal necessitado aumentam muito.

 Os principais motivos que originam um animal a necessitar de uma transfusão são:

 -picadas de cobra;

-atropelamentos;

-doenças transmitidas pela carraça/carrapato;

-insuficiência renal;

-pancreatite;

-intoxicações;

-hemorragias ou distúrbio de coagulação;

-entre outras.

 O sangue que é utilizado para a transfusão deve ser da mesma espécie e do mesmo grupo sanguíneo da do animal recebedor.

 No que se refere às supostas transfusões entre animais e pessoas, não há compatibilidade. O sangue humano não é compatível com um cão ou com um gato, nem o contrário.

 Os critérios que tornam um animal de estimação elegivel para ser doador são 3:

  • PESO - Apenas os cães que pesem mais de 20 quilos, ou os gatos que pesem mais de 4 quilos, poderão ser elegíveis para doadores;
  • IDADE - O animal doador, cão ou gato, não deve ter menos de um ano nem mais de dez anos de idade;
  • SAUDÁVEL - Os doadores necessitam estar saudáveis aquando a extracção do sangue, para o efeito, e para comprovar que esses animais não são portadores de nenhuma doença sanguínea, antes de começar a transfusão é realizado um check-up completo .

 Uma vez que termine a doação, os doadores farão parte do banco de dados.

 O processo de doação de sangue é bastante rápido e indolor. O procedimento demora cerca de meia hora, e pode ser repetido a cada 8 semanas.

 O cão ou o gato doador deve fazer um jejum de 4 horas antes da doação. Depois de chegar ao banco de doação ou ao veterinário, o animal é colocado em uma mesa, geralmente de barriga para cima, retira-se pêlo da área do pescoço e introduz-se uma agulha, que irá extrair o sangue. Caso o pet fique muito irrequieto, é levemente sedado para seu conforto.

 Por norma não existem riscos associados a doação, mas o animal nas 24 horas seguintes pode sentir um pouco de fraqueza e ficar meio quietinho. Durante o processo de retirada do sangue, o animal é monitorizado e caso haja algum mal estar o processo é interrompido, mas é muito raro acontecer.

 Se o seu pet apresentar desanimo, enjoo ou aparentar fraqueza, basta receber uma boa dose de descanso, alimentação normal salpicada por uma dose extra de miminhos, para que se recupere a 100%.

 O sangue do animal doador será rapidamente regenerado. Todo o processo, como já mencionado não representa qualquer risco para o animal doador, pelo contrário, o check up inicial pode ajudar a detectar alguma situação anómala nova, e assim o seu pet obter um tratamento mais célere da mesma.

 Os cães possuem oito grupos sanguíneos. Dentre eles, um é considerado o universal, o compatível com todos os outros. No caso dos gatos, só há 3 grupos sanguíneos diferentes. O mesmo acontece com as pessoas, a análise é a forma de conhecer o grupo sanguíneo.

 Desde a adopção do seu animal de estimação, é importante saber o seu tipo sanguíneo, para o seu próprio bem, e também para o bem de outros também.

 Se você acha que o seu cão ou gato cumprem com os requisitos para serem um doador, pesquise na Internet pelo banco de sangue animal mais próximo da sua casa, ou se não conseguir essa informação, basta ir ao veterinário para saber como você pode colaborar. 

 Assim, como acontece nos bancos de sangue humano, os bancos de sangue animal necessitam de doadores e vivem escassos, e por vezes acontece um animal morrer por não ter sangue compatível à disposição, para transfusão.

 Uma única bolsa de sangue canino pode salvar a vida de até 3 cachorrinhos.Pense nisso!

Doe, porque fazer o bem é bom! Leve o seu peludo para doar!

 O seu peludo já é doador?Partilhe a sua experiência connosco.

 Até breve!!

 Fontes:

. http://www.prosangue.sp.gov.br

.http://www.oncoguia.org.br

.http://www.mundodosanimais.pt


Deixe um comentário


Tenha em atenção que os comentários precisam de ser aprovados antes de serem exibidos